SINEP/NOTA PÚBLICA – GREVE GERAL 28/04/17

GREVE GERAL SINEP 2017 IMG

O Sindicato dos Nutricionistas Do Estado da Paraíba (SINEP), considerando todas as ameaças de retrocessos aos direitos previdenciários e trabalhistas da sociedade brasileira; vem por meio desta informar, que em reunião realizada no dia 17/04/2017 em sua sede, deliberou por apoiar a greve geral junto aos demais sindicatos de trabalhadores das mais diversas áreas.

A classe trabalhadora não pode permitir que direitos arduamente conquistados com participação democrática, sejam retirados. O sistema da Previdência Social possui uma intrínseca matriz ética; ele é criado para a proteção social de pessoas, na justificativa da PEC 287/2016 não existe nenhuma referência a esses valores, reduzindo a Previdência a uma mera questão econômica

Por isto, resolvemos nos unir a luta em defesa dos direitos de todas as categorias profissionais de nosso país. Pedimos aos nutricionistas e acadêmicos de nutrição que se façam presentes a essa luta.

 Estaremos lá e contamos com sua presença!

III JORNADA TEMÁTICA DE NUTRIÇÃO

capa jornada

Em 19 e 20 de agosto de 2016, João Pessoa (PB) foi realizada a II Jornada Temática de Nutrição que teve como tema “Atuação do Nutricionista: Da Teoria a Prática” que aproximaram os profissionais de nutrição e estudantes a realidade de nosso mercado de trabalho. Foi mais um passo no propósito de consolidar a força da categoria e unir colegas de diferentes segmentos da nutrição.

Tivemos a presença de grandes lideranças nacionais e locais da nutrição, que trouxeram uma grande troca de conhecimentos.
Por esse sucesso e a grande solicitação da categoria filiada ao SINEP, iremos promover outro evento no mês de maio de 2017.
Será a III Jornada Temática de Nutrição; e teremos como Tema central “Atuação do Nutricionista na Formação Profissional”.


Baixe aqui sua  Ficha de inscrição III jornada DE NUTRIÇÃO

OBJETIVO

Tendo em vista a grande parcela de participação do nutricionista no mercado de trabalho nos diferentes segmentos, é objetivo da Jornada, partilhar e interagir com as demandas deste mercado com olhar atual sobre os diferentes temas da nutrição, alinhadas ao papel do nutricionista na sociedade.

PUBLICO ALVO

Nutricionista em empresas, área de educação, hotelaria, restaurantes comerciais e fins.
Executivos dos diferentes segmentos da alimentação para a coletividade.
Pesquisadores e professores, estudantes de graduação e do ensino de diversas áreas técnicas.
Profissionais dos diversos setores e atividades da industria alimentícia e correlatas. Nutricionista em Hospitais, área de saúde publica, clínicas, consultórios e fins.

 

LOCAL DO EVENTO: Hotel Xênius

Apto a atender aos eventos com total segurança e confiança. Fica situado na orla marítima do Cabo Branco onde há acesso fácil ao profissionais e estudantes. Com estacionamento privativo, proporciona ao cliente total comodidade e segurança. Os auditório moderno, equipado com ar condicionado, possuem uma grande infra-estrutura de serviços e pessoal treinado para assessorar antes, durante e no termino do evento.

Articulação Política do SINEP/PB busca valorização da Saude

PROJETO DE LEI PELA PRESIDENCIA

O deputado estadual Jutay Meneses (PRB-PB) apresentara, na Assembleia Legislativa da Paraíba, o Projeto de Lei N° 1252/2017, que busca proibir a autorização e o reconhecimento dos cursos de graduação da área da saúde que sejam ministrados na modalidade Educação a Distância (EaD).

O projeto foi concebido em articulação com o Sindicato De Nutricionistas da Paraíba; após a conclusão que uma formação adequada de um profissional da saúde não se pode realizar sem o contato e a integração com a comunidade.

A proposta apoia-se na Resolução nº 515/2016 do Conselho Nacional de Saúde (CNS), que se posiciona contrariamente à autorização de todo e qualquer curso de graduação da área da saúde, ministrado a distância. As Diretrizes Curriculares Nacionais dos cursos de graduação da área da saúde têm em suas competências, habilidades e atitudes prerrogativas de uma formação para o trabalho em equipe de caráter multidisciplinar, interdisciplinar e transdisciplinar, à luz dos princípios do SUS. O que reitera nosso posicionamento acerca da necessidade de formação presencial dos profissionais da área da saúde. Impedindo assim, prejuízos que cursos a distância podem oferecer à qualidade da formação de seus profissionais, uma vez que não há a devida integração ensino, serviço e comunidade.

O projeto compreende os cursos de Farmácia, Biologia, Biomedicina, Educação Física, Enfermagem, Fisioterapia, Fonoaudiologia, Medicina, Medicina Veterinária, Nutrição, Odontologia, Psicologia, Terapia Ocupacional, entre outros da área de saúde.

WhatsApp Image 2017-03-14 at 14.23.11

 

JUSTIFICATIVA

O ensino na modalidade à distância foi regularizado pela Lei n.º 9.394 de 1996 (LDB), que permite a criação. Esse tipo de ensino foi regulamentado pelo Decreto n.º 5.622 de 2005, que estabelece a educação à distância como “modalidade educacional na qual a medição didático-pedagógica nos processos de ensino e aprendizagem ocorre com a utilização de meios e tecnologias de informação e comunicação, com estudantes e professores desenvolvendo atividades educativas em lugares ou tempos diversos”.

Nos últimos anos, houve incentivo do Ministério da Educação para abertura de cursos de graduação à distancia, com objetivo de facilitar o acesso ao nível superior de estudantes que vivem em locais distantes dos centros universitários.

Apesar de reconhecer que a modalidade EAD facilita o acesso de amplas camadas da população ao ensino superior, as profissões da saúde pressupõe atendimento direto ao paciente, colocando em risco a saúde da população se esses profissionais não tiverem esse contato desde a formação.
Diante do fato, entidades representativas da área de saúde do Estado da Paraíba vêm discutindo amplamente o impacto da formação profissional na modalidade exclusivamente à distância.
O Conselho Nacional de Saúde manifestou-se sobre o assunto por meio da Resolução n.º 515, de 07/10/2016, em seu Artigo 1º: “Posicionar-se contrário à autorização de todo e qualquer curso de graduação da área da saúde, ministrado totalmente na modalidade Educação a Distância (EaD), pelos prejuízos que tais cursos podem oferecer à qualidade da formação de seus profissionais, bem como pelos riscos que estes profissionais possam causar à sociedade, imediato, a médio e a longo prazos, refletindo uma formação inadequada e sem integração ensino/serviço/comunidade”.

O direito à saúde é o direito fundamental de todo ser humano, assegurado pela Constituição Federal Brasileira. A graduação na modalidade exclusiva à distância afronta a norma constitucional, pois se estará colocando em risco potencial a vida de milhares de pessoas que, desconhecendo a formação dos profissionais da saúde, a procuram confiantes na sua qualidade profissional.
Constituição Federal. Seção II da Saúde, art. 196. “ A saúde é direito de todos e dever do Estado, garantido mediante políticas sociais e econômicas que visem à redução do risco de doença e de outros agravos e ao acesso universal e igualitário às ações e serviços para sua promoção, proteção e recuperação.”

Duvidas e Informações: (83)988201913 Email: sindnutripb@hotmail.com

CONTRIBUIÇÃO SINDICAL 2017 – PARAIBA

Contribuição sindical 01

ATENÇÃO NUTRICIONISTAS!!

Será enviado para o seu endereço o boleto referente ao pagamento da contribuição sindical 2017.

A guia para efetuar o pagamento, também poderá ser obtida em :

 

BOLETO 2017 – PARA PROFISSIONAL AUTÔNOMO

BOLETO 2017 – PARA O PROFISSIONAL DE CARTEIRA ASSINADA/EMPRESAS 

 

PORQUE PAGAR A CONTRIBUIÇÃO SINDICAL?

O pagamento da contribuição sindical constitui condição de legitimidade para o exercício da profissão frente ao ministério do trabalho e emprego;

A contribuição sindical possui natureza tributaria, conforme a constituição federal ART. 149 e CLT ART. 578 a 591;

Qualquer tipo de isenção ou abonamento contrario a lei é considerado renuncia fiscal.

A assembleia do Sindicato dos Nutricionistas do Estado da Paraíba, define  o valor da contribuição sindical para nosso estado, que este ano ficou fixada em R$ 100,00;

O valor arrecadado pelo SINEP/PB, sera utilizado para o custeio e manutenção da estrutura sindical, locação da sala, condomínio,luz, telefone,funcionários, prestadores de serviço bem como para as representações da categoria em caráter nacional.

 

NÃO ESTOU EXERCENDO MINHA PROFISSÃO, POSSO DEIXAR DE PAGAR A CONTRIBUIÇÃO SINDICAL?

Se você não estiver exercendo a profissão, mas estiver registrado no conselho de classe (CRN – 6 Região), ainda assim é necessário o pagamento da contribuição sindical, uma vez que teoricamente, o registro no órgão de classe demonstra o exercício da atividade profissional. Agora, caso o trabalhador comprove não exercer a profissão em hipótese alguma , bem como não estar com o registro ativo no conselho de classe, a contribuição sindical não sera devida, já que o fato gerador da contribuição sindical é o exercício da atividade profissional.

 

Duvidas e Informações: (83)988201913 Email: sindnutripb@hotmail.com

 

 

 

 

 

II JORNADA TEMATICA DE NUTRIÇÃO É REALIZADA COM GRANDE SUCESSO NA CAPITAL

WhatsApp Image 2016-08-23 at 14.40.44

Em 19 e 20 de agosto de 2016, em João Pessoa (PB) foi realizada a “II Jornada Temática de Nutrição Atuação do Nutricionistas: Da Teoria a Prática” que aproximaram os profissionais de nutrição e estudantes da realidade de nosso mercado de trabalho.

Foi mais um passo no propósito de consolidar a força da categoria e unir colegas de diferentes segmentos da nutrição.
Tivemos a presença de grandes lideranças nacionais e locais da nutrição, que provocou uma grande troca de conhecimentos.
Por esse sucesso e a grande solicitação da categoria filiada ao SINEP, iremos promover um outro evento no mês de outubro.

WhatsApp Image 2016-08-20 at 16.46.52 WhatsApp Image 2016-08-20 at 16.47.49 WhatsApp Image 2016-08-20 at 16.48.26 WhatsApp Image 2016-08-19 at 16.38.24 WhatsApp Image 2016-08-19 at 12.33.36 WhatsApp Image 2016-08-19 at 18.25.07 WhatsApp Image 2016-08-19 at 18.25.03 WhatsApp Image 2016-08-20 at 11.07.08